Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Nameless Blog

Já foi “Som das Letras” e um narcisista “Blogue da Paula”. Foi um prolongamento da eterna ínsula, tendo sido denominado como “Ilha Paula”. Hoje, é um blogue sem nome para que seja aquilo que sempre foi: um blogue sobre tudo e nada.

The Nameless Blog

Já foi “Som das Letras” e um narcisista “Blogue da Paula”. Foi um prolongamento da eterna ínsula, tendo sido denominado como “Ilha Paula”. Hoje, é um blogue sem nome para que seja aquilo que sempre foi: um blogue sobre tudo e nada.

Eu também tenho uma lista de prendas de Natal

A pouco mais de um mês do Natal, já anda tudo doido com as ofertas e as listas e cenas. Algumas lojas já têm as suas montras decoradas para a época; Lisboa já começa a enfeitar-se e eu, para não fugir à maioria, fiz a minha lista impossível para o Natal.

 

Desta forma, serve o presente para informar aos amigos, familiares e maridão que a menina ficaria muito feliz se encontrasse no sapatinho algumas (note-se o plural, por favor) das propostas abaixo :

 

a) Livros

  • Enquanto Estives Aí, Marc Lévy
  • O Primeiro Dia, Marc Lévy
  • A Próxima Vez, Marc Lévy
  • A Primeira Noite, Marc Lévy
  • Sete Dias para a eternidade, Marc Lévy

 

(Já deu para perceber que devoro os livros deste senhor?)

 

  • Milionário em Lisboa, José Rodrigues dos Santos
  • Dança, dança, dança, Haruki Murakami
  • Quando o Cuco Chama, Robert Galbraith (J. K. Rowling)
  • e outros que poderão surgir até 24 de Dezembro

 

b) Telemóvel

 

Huawei Ascend G510


Diz o maridão que até é uma maquineta porreira.

 

Para dizer averdade, eu não tenho necessidade NENHUMA de ter um telemóvel novo. Tenho o meu há já algum tempo e faz a sua função: fazer e receber chamadas. Mas, como ando numa de fotografias e há aquela coisa do Instagram que faz com que qualquer leigo seja um mago da fotografia, eu gostava muito de ter m bichinho novo.

 

 

c) Perfumes & Relógios

 

Qualquer coisa é aceite com um sorriso.

Os perfumes que gosto são mais do que as mães; os relógios que gosto não diferem muito dos que já tenho.

 

d) Yammi

 

Sempre disse que nunca queria receber electrodomésticos como oferta - nem no Natal, nem no aniversário. No entanto, esta maquineta faz com que mude de ideias e já que a Bimby é muito cara e, ao que parece, o desempenho da Yammi não foge à prima, ainda por cima a um preço bem mais simpático, não me importava nada de ter uma maquineta destas e ser transformada numa verdadeira Chef.

 

e) Viagens

 

Sem grandes esquisitices. Não importa o local, importa viajar.

2013 foi um ano vazio neste campo ... De frisar que as idas à ilha não contam como viagens, mas sim como ida à terra ou a casa.

 

E é isto. Não é muito, pois não?

Como estamos em tempos difíceis, não ficarei MUITO triste se encontrar uma caixa de Ferrero Rocher ... mas também não fico contente (só para que fique bem sublinhado).