Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Nameless Blog

Já foi “Som das Letras” e um narcisista “Blogue da Paula”. Foi um prolongamento da eterna ínsula, tendo sido denominado como “Ilha Paula”. Hoje, é um blogue sem nome para que seja aquilo que sempre foi: um blogue sobre tudo e nada.

The Nameless Blog

Já foi “Som das Letras” e um narcisista “Blogue da Paula”. Foi um prolongamento da eterna ínsula, tendo sido denominado como “Ilha Paula”. Hoje, é um blogue sem nome para que seja aquilo que sempre foi: um blogue sobre tudo e nada.

2 meses de Francisco

Já se passaram dois meses que entraste nas nossas vidas, filho. Dois meses de muita aprendizagem e, principalmente, de uma forma de amar tão pura e intensa que até parece que vamos explodir com tanto amor.

 

Estás cada vez mais lindo, risonho e brincalhão. Adoramos quando olhas para nós com o teu ar de miúdo traquina e já imaginamos como serás nas brincadeiras.

 

Adoramos-te, filho! 

 

 

 

Picos de crescimento, stress de nascimento e outras manhas

Quase um mês depois do nascimento do nosso Francisco ainda é impossível retomar a rotina de me sentar ao computador e poder escrever como pretendia e pensava ser possível antes do nascimento do puto. Se fosse apenas o facto de não conseguir estar no computador, até que seria alguma coisa normal, mas o "mal" é que não tenho tempo para nada a não ser uma fugidas de 5 minutos para ir tomar café ai quiosque ao lado de casa. Não consigo aspirar a casa, fazer comida, lavar loiça ou roupa porque o miúdo exige a minha atenção constantemente. Valha -me o meu marido, uma jóia de moço que anda disfarçado de gata borralheira e faz tudo em casa enquanto eu me fantasio de vaca leiteira para alimentar o herdeiro. Dizem que as crianças têm picos de crescimento e que, muitos deles, nascem stressados ou ficam stressados devido ao nascimento e que, tanto numa altura como noutra, o porto de abrigo é a mama da mãe. Eu compreendo isso tudo, mas é preciso uma paciência de santo para conseguir aguentar esse ritmo. Só para terem uma ideia, na passada sexta-feira o miúdo este na mama durante 8 horas, apenas formatando uns meros 10 ou 15 minutos. Foram 4 dias num ritmo similar a esse dia e é lógico que, por mais paciente que se seja, 4 dias assim é muita fruta. O corpo exige descanso, mas não podes dar porque a tua cria pede o seu alimento. Enquanto tiver o marido em casa, a coisa vai-se fazendo, mas como vai ser quando a licença terminar e ele voltar ao trabalho? Mães que passarem por aqui, por favor deixem os vossos conselhos! Tenho lido 1001 fóruns e tenho aplicar todas as dicas com ele, mas a coisa nem sempre funciona e desespero só de pensar que os próximos meses vão ser todos assim. Mães bloggers que escrevem que conseguem ir ao cabeleireiro e ao ginásio, qual o vosso segredo? Amamentam em exclusivo ou utilizam suplemento alimentar para que a criança vos dê mais algumas horas de descanso? Suplemento alimentar, sim ou não? Adequado a um bebé de quase 1 mês ou não?