Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Nameless Blog

Já foi “Som das Letras” e um narcisista “Blogue da Paula”. Foi um prolongamento da eterna ínsula, tendo sido denominado como “Ilha Paula”. Hoje, é um blogue sem nome para que seja aquilo que sempre foi: um blogue sobre tudo e nada.

The Nameless Blog

Já foi “Som das Letras” e um narcisista “Blogue da Paula”. Foi um prolongamento da eterna ínsula, tendo sido denominado como “Ilha Paula”. Hoje, é um blogue sem nome para que seja aquilo que sempre foi: um blogue sobre tudo e nada.

Perfect Day

 
Em casa, em silêncio, sozinha, a ouvir "Perfect Day", depois de vir da homenagem feita ao homem, ao músico e compositor, no Largo do Intendente, em Lisboa.

Não sou fã incondicional, por isso o concerto não me encheu a alma. Isto até chegar a hora de Jorge Palma ter subido ao palco e ter cantado "Walk on the wild side". Quem melhor do que Palma para cantar sobre passear no lado selvagem (da vida).

 
E, como seria de esperar, "Perfect Day" foi a melodia final, cantada por Rui Reininho e mais alguns.
Foi tão mal cantado, mas tão mal cantado que se não fosse o público (imenso), o final teria sido catastrófico. Lou Reed não merecia ... Mais valia a pena terem feito este tributo daqui a algumas semanas e terem perdido algum tempo com alguns (poucos) ensaios.
 
Vazia, voltei para casa, mas com uma vontade enorme de ouvir "Perfect Day" dignamente.