Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Nameless Blog

Já foi “Som das Letras” e um narcisista “Blogue da Paula”. Foi um prolongamento da eterna ínsula, tendo sido denominado como “Ilha Paula”. Hoje, é um blogue sem nome para que seja aquilo que sempre foi: um blogue sobre tudo e nada.

The Nameless Blog

Já foi “Som das Letras” e um narcisista “Blogue da Paula”. Foi um prolongamento da eterna ínsula, tendo sido denominado como “Ilha Paula”. Hoje, é um blogue sem nome para que seja aquilo que sempre foi: um blogue sobre tudo e nada.

Notas Soltas #2

I. Um doce: Cheesecake de morangos em camadas

Apesar do tempo bom, ontem fiquei por casa e dediquei-me às compras no mercado vizinho. Nas compras vieram uns deliciosos morangos que poderiam ser saboreados só por si, mas apeteceu-me algo diferente. Vai daí, saiu um Cheesecake de morangos em camadas.

É mais uma receita simples e deliciosa. Fresca como se pretende nesta altura do ano e calórica, altamente calórica. Só necessitam de 1 embalagem de queijo Philadelphia, uma embalagem de queijo mascarpone, 1 lata de leite condensado, 5 folhas de gelatina, bolacha Maria e uns quantos morangos.
O primeiro passo é envolver os dois queijos com o leite condensado, mexendo com a batedeira por uns quantos minutos. Quando vir que o preparado já se encontra moldado, adicione as folhas de gelatina, já diluídas. À parte, triture as bolachas e corte os morangos grosseiramente. Depois é só moldar o seu cheesecake por camadas. Comece com uma de bolacha, depois com uma camada do creme e termine com uma camada de morangos. Repita estes passos até atingir o tamanho desejado.
Coloque no frigorífico até à hora de servir e delicie-se!
 Foi uma experiência que correu bem, mas continuo a preferir o cheesecake no seu formato normal. 
II. Um objecto: Anéis Pinkie
Na minha ida ao antro de consumismo que é o Centro Comercial Colombo, comprei uns anéis que me andavam atravessados há já algum tempo.
Se eu fosse uma fashion blogger, eu agora colocaria tocos os detalhes da compra, o preço e tudo e tudo e tudo. Mas, como não sou, coloco apenas a foto e uma pequena apreciação sobre os anéis.
Diz que estão na moda e que se chamam middle ring finger. Comprei e tenho a dizer: sim, são muito engraçados e fazem um figurão nos dedinhos, mas não são nada confortáveis. Usei-os uma tarde e tinha sempre a sensação que os anéis iam cair. O bom da coisa, é que os meninos estavam em promoção e são da Pinkie, ou seja, baratinhos, o que me deixa mais descansada quando os deixar esquecidos no porta-jóias.
III. Um livro: Rio Equilibrium
Já falei sobre este livro aqui e já comecei a sua leitura.
Apesar de ser um género que, habitualmente, não faz parte dos meus gostos literários, tenho a dizer que so far, so good.

Pela igualdade dos direitos entre homens e mulheres

A Máxima desafiou 100 homens a calçar uns saltos em nome dos direitos da Mulher – uma iniciativa feita dentro de um conjunto de acções solidárias a favor da Laço, na luta contra o cancro da mama.

Com o mote “100 Homens sem Preconceitos”, Luís Onofre desenhou e produziu sapatos femininos para os pés masculinos. Os primeiros onze estão na edição de Março; todos os meses, até Outubro – mês que a Máxima fará uma exposição destes 100 homens –, esta revista dedicará umas páginas ao grito pela igualdade entre sexos, num país onde a violência doméstica e a desigualdade salarial são temas tão actuais, 105 anos depois de se comemorar o primeiro Dia Internacional da Mulher.

 

(fotos retiradas de www.maxima.xl.pt)

 

 Iniciativa 5 estrelas

Playing casual

Depois de ter sobrevivido ao inferno das compras natalícias, jurei que só entraria num shopping só em meados de Janeiro, mas não consegui cumprir a jura e, no passado sábado, lá fui lavar as vistas com as montras e ver se achava alguma coisa engraçada, mesmo sabendo que não necessito de nada em particular. Mas, mulher que é mulher, tem sempre espaço para umas roupinhas novas, nem que seja para ajudar naqueles dias em que nada nos cai bem e que olhamos para o guarda-roupa e não sabemos o que vestir.
O caso particular da seleção que escolhi fotografar, será o máximo para aqueles dias mais casuais. Mas, o bom destas peças, é que, se juntarmos um blazer e saltos, a maquilhagem certa e os acessórios correctos, passamos de um casual banal para um casual chic num piscar de olhos.